quinta-feira, 4 de agosto de 2011

A História Por Trás da Música - Yolanda (Pablo Milanés)



"Yolanda", um dos maiores sucessos do cantor, compositor e guitarrista cubano Pablo Milanés (foto), foi escrita para sua então esposa Yolanda Benet, com quem foi casado por cinco anos. Dessa união, nasceram três meninas. Quando a primeira filha do casal, Linn, tinha dez dias, Milanés precisou se ausentar de Havana. Chateado por ter de viajar e se afastar da filha recém-nascida e da esposa, quando regressou trouxe na bagagem a letra e a melodia de uma explícita declaração de amor.

"Eu estava com Linn nos braços, dando-lhe o peito, e ele me disse: Olha o que fiz para você. Pegou o violão e cantou 'Yolanda'. É uma sensação inesquecível. Não posso traduzir a emoção que até hoje sinto quando me recordo dessas coisas. Nunca houve momento mais importante em minha vida. Ali estava resumido tudo o que ele sentia, todo o amor que sentíamos um pelo outro. Foi muito emocionante" - recorda Yolanda Benet. 
"Pensei que aquela canção era algo íntimo, que só eu poderia compreender o que Pablo estava dizendo. Mas parece que ele fez com tanto amor que todos são capazes de entender. É uma música que se canta no mundo inteiro. Ele já quis tirá-la do repertório e nunca conseguiu. É impressionante como as coisas do coração transcendem. Ao mesmo tempo, sinto que cada pedacinho da letra é um pedacinho do que vivemos. A letra é algo muito pessoal para mim, falar sobre ela é como falar de minha intimidade, até me incomoda."

"Yolanda" ganhou interpretações em vários países. No Brasil, a versão foi feita por Chico Buarque e foi gravada primeiro por Simone no disco "Desejos", de 1984.

Abaixo, você confere a versão original, interpretada por Pablo Milanés, e a versão de Chico Buarque, interpretada pelo grupo vocal MPB4.







7 comentários:

Adoro conhecer as origens das músicas, ganham nova cor, mais textura e sabor.

Essa música é linda!

Uma ótima tarde Suzy!

Soempre me gustó ese tema si además lo cantan tan bien ya es algo genial, beijinhos guapa!

Sempre fui ligado a historia de Cuba, não sei porque,rsrs. E tinha lido algo sobre esta musica.Lembro que quando Chico lhe disse do suceeso de Yolanda no Brasil, ele ficou pasmo.Uma sugestão ver a musica de Pablo " Creo en ti" é lindissima, quem sabe ela tem uma historia tambem?
Bem vindo Pablo!
Hoje a musica esta em alta por aqui.
Adorei é claro.
Com relação ao link para DJ da semana, nao esta funcionando, há um erro.
Abração inspirada Suzy.
Bju de luz nos seus dias de alegrias.

Obrigada por avisar, Toninho!
Já consertei o link.
Trabalhar de madrugada dá nisso...rs

Poxa, depois de uma música que fez (e ainda faz) sucesso internacional o casamento durou somente 5 anos...?

Pablo Milanês foi muito feliz com essa que na minha opinião seja uma música, mas, sim, uma tremenda poesia,e o que o CHICO fez, ficou divino. Será que os Naldo's, Anita's e os moleques do tal funk ostentação conseguem dormir depois de ouvir musicas desse nível e cantar o lixo deles?

Pois é Docinho, estava pensando nisso. De como,tanto amor, pode durar "tão pouco" ?
Lembrei do nosso Poétinha , Vinicius. "
"Eu possa me dizer do amor(que tive)
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja imortal enquanto dure."
Vá se saber como pensam os poetas....
Abílio também me questiono isso, de atualmente
tanta música ruim ( se é q podem ser assim chamadas). E tantos cantores sem voz nenhuma
fazendo tanto sucesso, sinto até vergonha por eles.
Mas,acho q eles estão dando uma banana pra gente, o importante agora é só o dinheiro, os valores se perderam. Gostaria de saber aonde, e em que momento deu- se essa involução, que estamos aceitando qualquer coisa?

Compartilhe

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites